Redação – Tipos de Redação

Narração
Dissertação
Descrição

- Narração, não é nada mais, nada menos que falar sobre acontecimentos, fatos, ações conflitantes e sucessivas entre forças físicas, morais, sociais e intelectuais, as quais se opõem: personagem e natureza, personagem e personagem, também relatar sobre situações reais ou fictícias e circunstâncias.

O ato de narrar é simplesmente relatar um ou mais acontecimentos que sucederam com certo personagem, em tempo e lugar definidos. Você irá apenas relatar uma estória, que pode ser fictícia (imaginária) ou real.

Lembrando que a redação terá a seguinte estrutura:

1. Introdução: onde você irá fazer uma breve apresentação estabelecendo espaço e tempo.

2. Desenvolvimento: será a parte onde há a transição da introdução para com o clímax, ou seja a complicação da estória.

3. Clímax: antecede o desfecho, também chamado de o auge da estória, será o momento onde teremos o suspense e tensão.

4. Desfecho: será a parte final da estória, momento onde teremos esclarecimento e revelações, é a soma da introdução, desenvolvimento. E não deve ser incluídos novos personagens com a intenção de explicar a estória.

Existem dois tipos de narrador:

1. Aquele que conta e também participa da estória, o chamado narrador em 1º pessoa ou narrador personagem.

2. Aquele que não participa se inclui na estória é o chamado narrador em 3º pessoa, ou narrador-observador.
- Teremos dois tipos de dissertação à argumentativa e a expositiva:

1) Dissertação Argumentativa; é na qual você tem como objetivo persuadir o leitor ou ouvinte de que determinada tese deve ser acatada. Nela você deverá buscar formar a opinião do leitor ou ouvinte, tentando persuadi-lo. Os argumentos utilizados devem possuir consistência de provas e raciocínio.

a) As provas: serviram para reforçar os argumentos, exemplo: testemunho.

b) Raciocínio: aquele que não se perde em especulações vazias e que se apóia em princípios da lógica.

2) Dissertação Expositiva; é a qual terá como objetivo explicar, expor ou interpretar idéias. Nela não haverá um debate de idéia (discordância), terá somente a exposição, explicação ou interpretação de idéias.

- Na descrição você irá expor ao leitor, seres, objetos, paisagens e cenas. Irá fazer com que quem leia a sua redação viagem literalmente, sentindo inúmeras sensações, entre elas: olfato, tato, gosto, forma e movimento. Será a representação de um objeto (ser, paisagem, coisa), você terá como objetivo mostrar cada detalhe ao leitor.

A estrutura da descrição é:

1. Introdução: mostrando ao leitor uma visão global.

2. Desenvolvimento: será a explicação da visão global.

3. Conclusão: momento onde você irá fazer um somatório da introdução e desenvolvimento. Lembrando que nem sempre é obrigatória a conclusão.

About these ads